Anúncios incríveis que se destacaram pelo pioneirismo e criatividade

Anúncios incríveis

Todos os dias somos impactados por diversos anúncios. Seja na TV, na rua, no celular… estamos sempre consumindo conteúdo das marcas. 

Mas hoje, nosso objetivo é compartilhar com você ações incríveis e muito criativas para você se inspirar. Vamos lá? 

 

ANÚNCIOS PIONEIROS

 

O primeiro anúncio “impresso”

Segundo o HubSpot, o primeiro anúncio da história foi encontrado nos anos 3 mil antes de Cristo, lá no antigo Egito, quando Haru – um empregador da época – criou um banner para procurar um escravo fugitivo. 

 

O primeiro anúncio no rádio

Em 1922 aconteceu o primeiro anúncio feito em rápido. Porém, na época, os anúncios tinham que ser indiretos. Então, durante um programa, o locutor da rádio WEAF, da Califórnia, a pedido de um representante da Queensboro Corporation – uma construtora de bairros em subúrbios – recomendou a frase:

“Deixe-me pedir-lhe para correr para os apartamentos perto de espaços verdes… a vida comunitária e a atmosfera amigável que Hawthorne prega.”

 

O primeiro anúncio na televisão

Em 1941 a marca Bulova, de relógios, foi a primeira a anunciar na TV. Foram 10 segundos durante a transmissão de um jogo de beisebol. Desde então, as marcas não pararam mais de anunciar na TV.

 

O primeiro anúncio por e-mail marketing 

Gary Thuerk, que era conhecido como “pai do spam” iniciou a onda de anúncios a partir da chegada da internet nos anos 90. Ele mandou um e-mail para vários clientes da empresa em que trabalhava, divulgando um novo computador. 

 

ANÚNCIOS HISTÓRICOS

 

I want you (Eu quero você) – Tio Sam

Criado em 1917 por James Montgomery, esse anúncio recrutava soldados para a Primeira Guerra Mundial. De tanto sucesso que o anúncio fez, o “Tio Sam”, homem que aparecia ilustrando o anúncio, teve sua imagem usada na Segunda Guerra Mundial. 

Anúncios incríveis

We can do it! (Nós podemos fazer isso)

Criado por J. Howard Miller em 1943 para a empresa Westinghouse, o cartaz inspirado na foto de Naomi Parker Fraley com a frase “We can do it”, tinha como objetivo levantar a moral dos trabalhadores durante a Segunda Guerra Mundial. 

Porém, a partir dos anos 90, o cartaz virou um símbolo de empoderamento das mulheres nos EUA. 

Anúncios incríveis

ANÚNCIOS COM APELO EMOCIONAL

 

For once, Don’t Do It (Por uma vez, não faça isso)

 

Essa foi uma ação da Nike para o movimento “Vidas Negras Importam” (Black Lives Matter). 

A marca que tem como slogan “Just do it” (“apenas faça”, em português) se posicionou acerca dos assassinatos que aconteceram nos Estados Unidos, mudando seu lema em um vídeo de um minuto que foi destaque entre os comerciais. 

 
 

WWF

O WWF preparou um anúncio para mostrar que, para a ONG, doações de qualquer valor são importantes e benéficas. Mesmo que sejam moedinhas, podem contribuir com ações que favorecem o meio ambiente, desmistificando a ideia de que uma doação pequena não faria diferença. 

Anúncios incríveis
O Natal vem vindo, vem vindo o Natal

Em 1995 a Coca-Cola criou um Jingle e mostrou na TV uma caravana de caminhões da marca. Não bastasse a propaganda, que mexia com as emoções dos espectadores, ainda uniu a TV e a vida real, levando realmente para as ruas, a caravana que até então era vista somente pelas telinhas. 

 

ANÚNCIOS “FORA DA CAIXA”

 

Aberto à noite

Para informar o público de que o MC Donald’s havia criado seu serviço 24h, a marca produziu um anúncio que só podia ser visto à noite, quando a iluminação do Frontlight criava o logo da rede de lanchonetes.

Anúncios incríveis

Nescafé 

O “ZZZZZZ” é conhecido como o símbolo universal do sono e a Nescafé usou desse símbolo para trazer à tona uma das promessas do produto: “nada te acorda como Nescafé”. 

Anúncios incríveis

 

Keloptic

A marca de óculos Keloptic anunciava seu produto brincando com grandes obras do impressionismo, deixando-as, onde a lente alcançava, nítidas como uma foto. 

Anúncios incríveis

 

“Get them off your dog” (Tire-os do seu cachorro)

A Frontline, marca de produtos antipulgas e anticarrapatos, colocou um anúncio no chão de um shopping que, quando visto de cima, as pessoas que frequentavam o local completavam o anúncio, fazendo o “papel” de pulgas e carrapatos. 

Anúncios incríveis

Agora que você já relembrou ou conheceu diversos anúncios de muita criatividade, é importante saber que, para criar propagandas criativas, é imprescindível conhecer muito bem o produto/serviço, e as dores do público que eles curam. A partir disso, explore diferentes elementos, símbolos, linguagens, expressões artísticas, saídas da caixa e tudo o mais que tiver direito. 

Surpreender o público, trabalhar com suas emoções, pensar em reviravoltas, ser pioneiro em algo, interagir… tudo isso são detalhes que podem fazer a diferença na construção de um material muito mais criativo.

Flw, vlw 🤙

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
VER TAMBÉM

Artigos relacionados

Ao continuar você concorda com nossa política de uso de cookies.