Design Gráfico

Uma revolução digital vem moldando profissões, mercados e pondo o  bom design  em evidência, porque um designer gráfico deve ser muito mais um que “apertador de botões”. Conhecer teorias e saber como aplicá-las é determinante. Mas como se destacar nesse cenário? Como criar soluções visuais interessantes e eficientes?

COMO DESENVOLVER LAYOUTS ORIGINAIS E BEM ESTRUTURADOS ?

Se você já tem experiência com softwares de edição de imagem, esse é o primeiro passo, a partir disso é necessário entender como desenvolver seu processo criativo levando em conta técnicas e teorias de arte e design. Veja os conteúdos do curso…

Design é projeto, e qualquer projeto precisa de processos que o estruturem. Como o Design gráfico desenvolvem interfaces de relacionamento com o ser humano, é necessário entender as demandas e criar soluções viáveis. Por causa disso criamos essa lista de itens que ajudam nossos alunos a serem profissionais mais empáticos e muito bem embasados nas suas soluções.

  • Design Thinking;
  • Human Centered Design;
  • Proporção;
  • Grids;
  • Formatos;

Uma folha ou uma tela em branco não deve ser preenchida através de um método de tentativas e erros, é preciso embasamento, principalmente quando buscamos entregar mensagens para atingir um objetivo com eficiência. Esses conteúdos ajudam nisso.

  • Desconstrução;
  • Gestalt;
  • Alinhamento;
  • Balanço;
  • Hierarquia;
  • Repetição;
  • Espaço;
  • Cor;
  • Contraste;
  • Sintaxe visual.

 

Originalidade é uma  questão chave para que o design tenha pregnância, por isso, entender de estéticas, estilos, e linguagens visuais é determinante para encontrar as referências que apoiarão sua criatividade.

  • Design Moderno;
  • Design pós moderno;
  • Design Contemporâneo.

 

Por mais que imagens possam refletir conceitos e criar narrativas, é o texto que torna a mensagem clara. Saber como criar letras, e adaptá-las aos mais diversos contextos é uma habilidade muito importante.

  • Estilos tipográficos;
  • Famílias tipográficas;
  • Sintaxe tipográfica;
  • Construção de tipos;
  • Lettering;
  • Programação de fontes;
  • Diagramação.

 

Construir uma marca memorável que se conecte de forma consistente com seu público e revele seus conceitos e valores só é possível por meio de estudos e desenvolvimento bem estruturado. As habilidades aprendidas na última etapa do curso de design gráfico se propõem a ajudar nisso.

  1. Formante visual;
  2. Cores;
  3. Tipografia;
  4. Conceito;
  5. Simbologia;
  6. Abrangência;
  7. Aplicações.
  8. Naming;
  9. Neuromarketing;
  10. Pregnância da forma;

Esta é a etapa final do curso e certamente aquela que será desenvolvida para o resto da vida do designer. Criar um portfólio é uma tarefa extremamente minuciosa e complexa, mas quem chega até aqui tem uma grande bagagem e uma excelente expertise para desenvolver um ótimo trabalho.

  • Projeto gráfico;
  • Ambientação;
  • Mockup;
  • Fechamento de arquivo;
  • Impressão;
  • Publicação online;
  • Site profissional.

depoimentos

Professor

José Siqueira – Um sorriso estampado e uma mente aberta. O Juba come desenho com farinha no café da manhã, por isso é tão bom no que faz. Polivalente, dedicado a aprender e ensinar, trilha o caminho criativo com maestria, experiência e muito bom humor. 

Escola Panamericana de Arte e Design
Diploma Ilustração

Western Maryland College
Diploma Bachelor of Arts

Jacksonville University
Diploma Bachelor of Journalism

Chapel School
Escola Maria Imaculada

Enlightenment is not just one state

There are many variations of passages of Lorem Ipsum available, but the majority have suffered alteration in some form, by injected humour, or randomised words which don’t look even slightly believable. If you are going to use a passage of Lorem Ipsum, you need to be sure there isn’t anything embarrassing hidden in the middle of text.

Escola_Casa

Escola de arte e design - Blumenau - SC | 47 3041 5101 - 47 99193 4757