Brand Design e Branding: diferentes ou complementares?

Estamos todos ouvindo – e nós falamos bastante por aqui também – sobre Brand Design e Branding. Mas são coisas distintas? E a Identidade Visual, onde entra nisso tudo? E o Design? São algumas terminologias que podem gerar talvez alguma pequena confusão no início, mas que a gente vai te explicar tudo certinho aqui e te contar o que é mais importante na hora de criar um logo 😉 

O que é Brand Design?

O termo Brand Design, bem ao pé da letra mesmo, vem da ideia de construir o design, a “cara” de uma marca, a representação simbólica daquilo que está sendo construído.

É o brand design que define como uma marca é de forma gráfica. Naming, narrativa gráfica, estética, tipografia, cores… o brand design é a composição gráfica que dá vida à uma marca.

E o que é Branding?

Já o Branding é o processo que envolve a construção de uma marca como um todo, não somente de forma gráfica. Aqui são definidas estratégias como o tom de voz e o manifesto da marca, por exemplo. São um conjunto de ações que tornam as marcas reconhecidas no mercado, criando uma personalidade e saindo na frente da concorrência.

Essa gestão de marca feita através do branding, também tem relação com a percepção e os sentimentos que as marcas causam em seus consumidores. 

Qual a relação entre Brand Design e Branding?

A construção total da marca, sendo ela representada de forma gráfica e em valor também. 

Imagina a seguinte situação…

Você precisa de um tênis casual para compor seus looks. Você curte skate. Gosta de arte. Gosta de música. Se identifica com um estilo de vida alternativo. Essa breve persona teria sua dor curada – a de precisar de um tênis – pela grande maioria das marcas de tênis. Mas ela compra um Vans. Não só pelo produto, mas pela sensação de pertencimento que aquela marca apresenta pra ela. E outras pessoas que também pertencem a esse grupo, reconhecem o símbolo gráfico da Vans (brand design) no pé do outro.

É através dessa construção de branding e brand design que as marcas vão ganhando corpo, caindo no gosto do público e sendo reconhecidas por ele. Combinando branding e design, as marcas se posicionam no mercado e brigam pelo seu espaço.

Na prática…

Olhe ao seu redor e certamente verá algumas marcas próximas de você. Escolha uma delas.

Como ela é? Qual a sua forma? Que cores ela tem? Qual o nome? Qual a tipografia? Isso é Brand Design.

Quais sensações ela te causa? O que você lembra? Como é sua experiência com essa marca? Isso é Branding.

Como tornar sua marca inesquecível?

Para isso, é necessário desenvolver muito bem esses dois conceitos dentro do projeto, tanto o brand design quanto o branding. A seguir, separamos algumas dicas que podem te auxiliar nesse processo.

◾ Identidade Visual

Toda forma gráfica utilizada com sua marca, deve seguir um mesmo conceito. A partir do momento que já tem uma marca criada, siga a linha de criação com as mesmas famílias tipográficas, traços e paleta de cores, em todos os materiais, sejam eles impressos ou online. Claro que, se uma estratégia pedir uma narrativa gráfica diferente, nada impede de assim fazê-lo. Porém, o manual da marca deve estar sempre em mãos para respeitar as informações básicas de usabilidade.

◾ Manifesto da Marca

Escreva declarações sobre sua marca, qual o ponto de vista, no que acredita, quais são as motivações e visões. Esse material é importante para dar vida à essência da marca e tornar um discurso único a todos que estiverem envolvidos com ela.

◾ Tom de Voz

Defina a linguagem da marca. Será descontraída ou séria? Usará algum bordão? Terá algum dialeto específico? Escolha alguns emojis que representam a essência da marca e adote como forma de comunicação também. O tom de voz é necessário para que todos os colaboradores estejam alinhados quanto a forma de “falar” de uma marca. 

Desenvolvendo um bom tom de voz, não importa se quem vai responder na rede social, por exemplo, seja o comercial ou o marketing. É sempre utilizada a mesma linguagem, criando uma maior conexão com o público.

◾ Conteúdo

Crie conteúdos relevantes e bem planejados. Pesquise sobre o que seu público tem interesse que você possa entregar material de valor a ele. Utilize ferramentas e métodos que auxiliem nesse processo. Inclusive, falamos somente sobre criação de conteúdo nessa matéria aqui

Como desenvolver marcas que sejam relevantes tanto no Brand Design como no Branding?

Se você busca por um método para criar marcas envolventes, trabalhando desde a análise mercadológica até a composição de uma identidade visual bem estruturada, tendo propriedade para escolher cada elemento, resultando em aprovações junto ao cliente com muito mais agilidade, conheça o BRAND – o curso de criação de marcas da Escola Casa.

Neste curso o aluno aprende sobre Estudo de Mercado, Definição de Conceito, Estudo de Simbologia, Criação de Identidade Visual, Testes de viabilidade, Comunicação Integrada, Precificação e Neuromarketing.

Brand Design e Branding

Saiba mais sobre o curso BRAND.

E aí, curtiu o conteúdo?

Então acompanhe nossas outras matérias clicando aqui.

Flw, vlw 🤙

VER TAMBÉM

Artigos relacionados

Ao continuar você concorda com nossa política de uso de cookies.